Confiar

Recebemos e publicamos o testemunho de um empresário que se inspira nos princípios da EdC

Confiar

por Simone Pirani

Simone_PiraniA nossa empresa é uma agência imobiliária na qual trabalham 3 pessoas a  tempo inteiro e 1 a tempo parcial; há já alguns anos que tentamos aplicar os princípios da EdC. O Prof. Zamagni para na Escola de Verão de 2009, disse: "quem colheu que semeie!"; nós somos uma pequena realidade, não fomos afectados pela crise em curso e, portanto, procuramos aplicar esta importante indicação.
No mês de Julho encontrámo-nos na consição de ajudar o Francisco (nome fictício), empreiteiro calabrese recentemente falido. Após algum tempo, Francisco informou-nos sobre a possibilidade de adquirir em Tribunal alguns ativos da sua empresa falida; ele poderia dar-nos algumas indicações úteis. Era importante verificar primeiro se o Francisco não estaria ligado a associações calabreses "não propriamente relacionadas com a EdC". Feita que foi esta verificação preparámos toda a operação -  encontrar os financiadores e os clientes finais para alguns destes bens.

 

Durante este percurso, por vezes, foi expressa a dúvida sobre se o Francisco estava ou não em conformidade com os princípios de transparência e lealdade por nós adotados e que alguns comportamentos resultassem de uma vontade que levantava mais uma dúvida. No auge da tensão que tínhamos que decidir se continuar a confiar, quando todos os pressupostos nos levavam a não dá-la mais.

Um dia, inquietado por esta dúvida, brincava com o rato  e cliquei sobre um e-mail de votos de Natal recebido da EdC, contendo um pensamento de São João da Cruz: "onde não há amor, põe amor, encontrarás Amor!"

Então eu disse a mim próprio: VOU PÔR AMOR. Decidi por amor continuar a confiar, mantendo um nível normal de Famiglia_Piranicontrolo sobre o trabalho de Francisco. As dúvidas  foram dissipadas ou de qualquer maneira superadas e continuámos a trabalhar com ele. Se esta opção se revelar a correcta isso será "graças à Graça"! À Graça que o Senhor nos concedeu de saber, também através de Chiara, que se fores o primeiro a amar, receberás amor. Peço a quem lê este meu testemunho para rezar por esta nossa iniciativa, chamada BENS REAIS: o seu sucesso significaria muito para o desenvolvimento da nossa organização em direção à EdC.

Simone Pirani Pieve di Cento (BO)

Image

ARQUIVO DE ARTIGOS

Lìngua: PORTUGUÊS

LIVROS, ARTIGOS & MEIOS

Lìngua: PORTUGUÊS

Filtrar por Categorias

© 2008 - 2021 Economia di Comunione (EdC) - Movimento dei Focolari
creative commons Questo/a opera è pubblicato sotto una Licenza Creative Commons . Progetto grafico: Marco Riccardi - edc@marcoriccardi.it